terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Joguei a toalha!


Cansei! Saí de campo, faltei a final, deu WO! Não preciso disputar um campeonato que tá perdido. Tenho um adversário fraco, entregue a outro tipo de jogo, interessado em fazer parte de outra equipe.
Até ontem ainda pensei em continuar lutando pelo título mas acontecimentos me fizeram desistir. Não quero problema, não vou entrar numa barca furada e definitivamente sou maior que isso tudo.
Se você é fraco não tenho culpa. Se entrega com facilidade, não esquece o passado, não se desliga do que não te faz bem. Não sou eu que vou aguentar o que não preciso. E muito menos o que não quero. O que não mereço então...
Sem querer me achar, já me achando, eu mereço coisa melhor. Te gosto mas não o suficiente pra abrir mão do meu sossego em seu nome. Minha paz custou caro e demorou a chegar pra eu deixá-la assim, sem motivo que valha apena o suficiente.
Espero do fundo do meu coração que você seja feliz. Pena que não vai ser comigo. O que tiver de ser será é um dos maiores clichês de todos mas um dos mais verdadeiros também.
Então é isso... A gente conversa fora de campo, sem disputa na parada. Mas se um dia quiser fazer parte da minha equipe, sinto muito, vou dá um jeito de te barrar. Nem que seja no anti-dopping!

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Uma partida de futebol.


Gente, eu caí! A armadilha foi montada, eu recebi um aviso anônimo sobre ela mas mesmo assim caí feito uma boba.
E não fiz nada pra evitar... Acho que, na verdade, era isso que eu estava querendo.
Não fui eu que comecei o jogo mas sou que quem tá querendo permanecer nele. Nem sei se meu "parceiro" quer mesmo jogar comigo. Ele faz treinos mas não entra em campo...
Ainda não fiz uma convocação formal, deixei indícios que o quero no meu time, fiz sondagens mas não o convoquei, ainda. Na verdade, meu desejo é que ele entenda que o quero fazendo parte da minha equipe e se prontifique a jogar meu jogo. Acho que não peço muito né? Gostaria apenas de ouvir que ele quer sim entrar em campo.
Se eu fico perto, eu desmonto toda!!! Longe sei dos riscos que corro, traço direitinho minha estratégia mas quando chega a hora de ver o oponente de frente não consigo lutar contra. Jogo a favor, certinho, mas contra não consigo! Não quero, o que é pior. Mesmo tendo o mais indisciplinar dos atletas, eu ainda o quero fazendo parte da minha equipe. Sabe quando você adquire um carinho especial pelo pior aluno da sala, o que mais dá trabalho mas que sabe que ele é um menino bom, que se tiver oportunidade, companhia certa, amizades construtivas vai longe? Pois é! Exatamente assim que acontece.
Sigo meu dilema diário. Não podendo querer quem quero, não devendo jogar um jogo extremamente perigoso mas sabendo que, se correr os riscos, posso sair vitoriosa de campo. Vamos ver até que ponto a brincadeira vai conseguir seguir. Em que momento o jogo vai deixar de ser amistoso pra ser uma final de campeonato, com todo aparato que tamanha competição precisa ter.
O juiz apitou: começa o jogo!

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

E o Rio de Janeiro continua...


Faz dias que começou o caos no Rio de Janeiro. Em tudo quanto é noticiário de tv só se vê carro pegando fogo, bandido desafiando polícia fugindo por caminhos que só eles conhecem mas que fica ao alcance das lentes das câmeras das emissoras do país inteiro quiçá do mundo.
O que não se fala explicitamente é o que dá origem a isso tudo! Como sempre no Brasil nunca se vai a raiz do problema, isso virou rotina já. Bem, vou aqui, com toda a minha "leiguice"- nem sei se essa palavra existe, enfim!- falar o que acho. Nem que seja merda, o blog é meu falo nele o que eu quiser né?! Vamos lá, contar uma historinha pra organizar minhas idéias...
Num lugar chamado Brasil, existe um crescente número de usuários de drogas ilícitas. Dentre essas drogas, algumas são mais comuns como cocaína, maconha, crack. Como tudo que é comprado tem que ter quem venda, eis que surge a figura do traficante.
O traficante é um ser putamente inteligente! Reza a lenda que nem usuário é, não é burro o suficiente pra ser tornar um viciado. Então, como bom líder que é, o traficante domina determinados lugares. E como o lance é rentável, não tem só uma pessoa vendendo. Acontecem disputas por pontos de venda, aqui em Fortaleza chamamos esses pontos de Bocas de Fumo.
O usuário de droga é o financiador da violência. Mas raramente tem noção disso! Os ricos e bem sucedidos menos ainda. Os famosos que usam droga então, uuui esses que não se acham culpados mesmo!
Não sou estudiosa da área, não tenho gabarito pra entrar em discussões sobre o assunto, mas uma coisa eu posso falar com toda certeza: a droga é o mal do século! É através dela que todos os outros males entram nas famílias.
O sujeito experimente por curiosidade, na maioria das vezes. E muito frequentemente começa com as drogas lícitas, cigarro, bebida alcóolica, etc. Começa a gostar da coisa, quer mais, logo se vicia. Como nem todos têm grana pra sustentar o vício, precisam arrumar um meio pra conseguir comprar o "bagulho". A maioria parte pra marginalidade. Assalto, roubo, furto, pra mim é tudo a mesma coisa! É a violência gerada a partir do momento que o sujeito virou dependente.
Bem suscitamente é isso. Ao menos aos meus olhos! Então velho, se você fuma, já fumou, deu um tapinha que seja num baseado ou de vez em quando "neva" na sua horta, não vem querer posar de moralista não. Você não tem gabarito pra isso! Não tem respaldo, não tem merda nenhuma!
Se você não passa de um maconheiro filho da puta, pega a porra do baseado, enfia no cu e se cala!!! (Inspirei-me no vídeo abaixo do capitão Nascimento pra escrever essa parte! É uma pena ele ser só ficção... Uma pena...)


segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Memórias por Pitty Leone.


Memórias
Pitty
Composição: Pitty

Eu fui matando os meus heróis aos poucos
Como se já não tivesse
Nenhuma lição pra aprender

Eu sou uma contradição e foge da minha mão
Fazer com que tudo que eu digo faça algum sentido
Eu quis me perder por aí fingindo muito bem
Que eu nunca precisei de um lugar só meu

Memórias, não são só memórias
São fantasmas que me sopram aos ouvidos
Coisas que eu...

Eu dou sempre o melhor de mim
E sei que só assim é que talvez
Se mova alguma coisa ao meu redor
Eu vou despedaçar você
Todas as vezes que eu lembrar
Por onde você já andou sem mim

Memórias, não são só memórias
São fantasmas que me sopram aos ouvidos
Coisas que eu...
Memórias, não são só memórias
São fantasmas que me sopram aos ouvidos
Coisas que eu nem quero saber

Eu sou uma contradição e foge da minha mão
Fazer com que tudo que eu digo faça algum sentido
Eu quis me perder por aí fingindo muito bem
Que eu nunca precisei de um lugar só meu

Memórias, não são só memórias
São fantasmas que me sopram aos ouvidos
Coisas que eu...
Memórias, não são só memórias
São fantasmas que me sopram aos ouvidos
Coisas que eu nem quero saber
Nem quero saber.


Faz uns dias que eu tô ouvindo muita coisa da Pitty e essa música em especial chamou muito minha atenção.
Sabe quando o momento da sua vida se identifica totalmente com uma letra de uma música? Então é exatamente isso! Não é só Los Hermanos que consegue tal feito. A Pitty fez certinho agora também. Hahaha.
Bem, falando da letra em si, essa parte da contradição "Eu sou uma contradição..." se encaixa perfeitamente pra mim!
Eu não quero que as coisas que eu fale tenham sentido, não preciso ficar todo tempo provando pras pessoas que eu sou modelo, exemplo, certinha. Não sou nada disso caralho! Não quero ser nada disso, melhor dizendo.
Cobrança sempre rola mano! É inevitável. Lá em casa então... Eu amo minha família, adoro o fato de ela ser enorrrrme, unida, feliz mas tem horas que toda essa gente querendo dizer o que você tenho que ser, que caminho tenho que seguir, isso é chato pra caralho!
Falando da Pitty agora, eu sempre gostei dela, desde "Admirável Chip Novo", quando ela explodiu no Brasil. Eu a via como a mulher mais foda do país musicalmente falando! Aliás, eu ainda a vejo assim. A única mulher que realmente é uma representante legítima do Rock nacional. O estilo da mulher é foda, ela fala o que quer, tem atitude, é linda, é uma puta profissa. Enfim é exemplo!
E eu, timidamente e talvez só pros poucos que lerão esse post, agradeço a ela, Pitty Leone, por ter tido influência na minha vida e por continuar nos presenteando com suas músicas sensacionais!

domingo, 17 de outubro de 2010

E quanto levou foi pra eu merecer...






Foi além do que imaginei, foi mais foda que meus mais belos sonhos tiveram a proeza de idealizar, foi mais lindo que tudo que já vi na vida! Foi música, foi dança, foi poesia.
Aquela multidão sendo o terceiro vocalista da banda me arrepia até agora, horas depois do espetáculo. Sim meus caros, Los Hermanos não fez um show, fez um espetáculo. Até porque quem faz show é banda, e LH subiu do patamar de banda pra estilo de vida faz certo tempo...
Os acordes de “O vencedor” soaram pra começar com todo gás aquela que seria a noite mais feliz da minha vida. Foi-se deslanchando um repertório diverso, 4 músicas do Bloco do eu sozinho, 5 do “4” e 8 do Ventura. 17 músicas ao todo, 1 hora e alguns minutos de apoteose. Um público vibrante, fiel, um coro sensacional, uma coisa que eu nunca tinha visto na minha vida. Não com tanta intensidade, não com tanta veracidade, muito menos com tanta emoção dos que estavam ali em cima nos proporcionando aquele momento único.
Amarante agradecia, todo instante, em todas as oportunidades, como se tivesse querendo dizer “Cara vocês são foda!”. Sim meu amor, eu entendi que era isso que você tava falando com cada “Obrigado” que saía da sua boca. Camelo sempre, sempre visivelmente emocionado, em alguns minutos com os olhos marejados. Rodrigo em um certo momento mostrou a Marcelo até onde ia a multidão, ele parecia se esforçar pra enxergar o final daquele mar de gente. Eles olhavam e sorriam, um pro outro, uns pros outros, eles pra gente.
Velho, foi muita coisa! Foi uma mistura espetacular de sensações, foi uma emoção indescritível. O que as palavras me permitiram eu escrevi aqui. Mas não tem nada que eu fale aqui que consiga dizer na realidade mesmo o que houve ontem. Valeu esperar 7 horas no aeroporto nem tanto pelas fotos mas sim especialmente por vê-los e saber que realmente são de verdade, que existem. O Amarante não é simpático, não é dado de sorrisos, isso eu já sabia. Mas pra mim isso não muda nada! Ele só precisa existir e cantar. Se eu consegui 2 fotos e o vi tão de pertinho, isso foi bônus. E o Camelo ser tão gentil, tão dado com as pessoas, tão foda daquele jeito também foi além. Se o Barba desceu da van mesmo sem o carinha da produção querer deixar e tirou aquela foto com o sorriso tão lindo foi mais além ainda. Não vi o Medina de perto no aeroporto, não pude falar com ele mas o vi tão compenetrado no show, de vez em quando com seu sorriso tímido, tão doce, tão maravilhoso. Ah, isso foi mais e mais...
Enfim, se eu ficar aqui escrevendo, levarei dias! De vez em quando vem uma coisinha em mente, uma lembrança, um gesto, uma palavra. Um biquinho do Rodrigo quando deu problema na guitarra, lindo! Aquele biquinho lindo de neném quando vai começar a chorar sabe? Então... Foi exatamente esse! O Marcelo puxando com a gente o final de “Deixa o verão” pro Rodrigo afinar a guitarra. Ah velho, muita coisa, muitas lembranças, muita vivência! E eu vivi aquilo! Eu nem acredito ainda que tive essa oportunidade... Mas eu tive, ela foi real e aqui estou eu contando pra vocês que o dia 16 de outubro de 2010 foi para mim uma das datas em que senti mais emoção, orgulho e felicidade de todo decorrer dos meus 26 anos e alguns meses de vida. Foi lindo! Aliás foi “Bunito!” E sim, o vento disse lento o que veio... E não foi só alguém que sorriu em paz, foi uma multidão de umas 25.000 pessoas. Tudo proporcionado por aqueles que olhando entre si pareciam cantar ♫ Nada vai mudar entre nós... Como eu sei? Eu só sei... ♫
Obrigada Los Hermanos, vocês me fizeram sentir a melhor sensação do universo: satisfação!

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

♫ Deixa ser... Como será quando a gente se encontrar? ♫


A expectativa que me invade desde que eu soube do show do Los Hermanos em Fortaleza é algo que sinceramente eu nunca senti na minha vida! Juro, nada parecido, nunca... É uma sensação louca... Sei lá mano!
Mas sei que é incrível, é lindo, é sincero e é único! Eu estava conversando com minha amiga Gaby (@GabyVazz)e mostrei a ela meu comentário no blog do Medina sobre essa expectativa do show de sábado, daí ela veio me falar essas palavras: "amo as coisas q tu escreve.. sério! Pq faz a gente sentir na pele cada palavra.. vc logo vê q não são palavras vazias, de verdade!! Sua emoção ultrapassa os limites do corpo e se trancrevem em palavras... sem comentarios." Ah vá! Eu já tava chorando... Com essa! Obrigada amiga... Eu me sinto privilegiada de ter uma pessoa perto de mim sensível a ponto de perceber isso!
Porque é exatamente o que a Gaby fala aí que eu procuro transparecer quando escrevo. Seja uma besteirinha no twitter, seja um post aqui nesse blog que eu tanto amo e que se tornou um excelente companheiro pra todas as horas, seja numa carta, as cartas que tanto amo escrever...
Eu sempre me expressei melhor com palavras escritas que com palavras faladas exatamente pelo carrego de emoção que as coisas que quero falar quase sempre contém!
E agora a emoção que me invade faltando 5 dias pro show do Los Hermanos, pra eu ver o meu ídolo lindo de perto, pra quem sabe até poder tirar uma foto com o Rodrigo e eternizar esse momento talvez único, talvez não, sabe Deus, é estupidamente grande que nem sequer cabe dentro de mim! Venho aqui "cuspir", pôr pra fora ela... E gritar "Deixa o verão pra mais tarde!!! Uh uh ah ah ah..."


Ah, aqui o comentário que postei no blog do Medina:

Ah velho que emoção do caralho ver isso tudo! Foi pela tv, a pele arrepiou, o coração acelerou, os olhos se encheram de lágrima... O que será que vou sentir no show de Fortaleza sábado? Não me perguntem porque nem mesmo nos meus mais insanos delírios eu consigo responder... O fato é que tá chegando a hora, eu vou realizar o grande sonho da minha vida e ver e curtir o show da melhor banda que esse país já teve nas últimas décadas! E que se f*$# quem fica nessa de "Por que não voltam logo?!" Não voltam porque não acham que devem voltar caramba! Coisa chata... O que importa é que vocês sabem que a gente, o público fiel que tanto os ama, estará sempre a espera, seja de uma miniturnê, de uma grande turnê, de uma volta definitiva ou de nada disso. A gente os respeita e respeita acima de tudo
as decisões de vocês. Só não fujam das nossas vistas e não escapem dos nossos ouvidos... O coro tá pronto "Uh é Los Hermanos!" Fiquem com Deus!


É isso! Tá chegando... BUNITO!!! *___*

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Todos os enredos juntos num só.

Inspiração pra escrever eu sempre encontro em você... As vezes ela é tanta, tão medonha, tão tremenda que as palavras somem! Como se fossem Evaporar...
Claro que sei que um gesto vale muito mais que 1.000 palavras, por isso dar-te A Flor foi a forma que encontrei de dizer que desejo que sejas meu Último Romance. Ou será que era uma Rosa?! Sinceramente não sei...
Mas também tanto faz né? Lá de cima Do Sétimo Andar nem dava pra te espiar... Saber sua reação ao receber algo que te dei de coração foi impossível. Apesar de que naquela noite me disseram que viram você espiar aquele Retrato pra Iaiá... Isso deve ser um bom sinal!
Na viagem que fiz pra Paquetá, onde pela primeira vez pude te encontrar, fiquei tão lerda, apreensiva, nervosa que parecia criança ao tentar executar seu Primeiro Andar. Mas você foi doce, sincero e educado, juro que parecia que eu estava nas nuvens, tinha sido levada por aqueles Pássaros...
Por mais feliz que eu estivesse, eu precisava disfarçar, afinal não seria um simples momento, Onze Dias eu tinha pela frente, pra todas as noites seu caminho cruzar.
O Vento era Condicional! Eu me deixava guiar por ele. Quem Sabe essa foi a forma que encontrei pra disfarçar quanto Sentimental sou e o quanto enorme era meu desejo que nos tornássemos Um Par.
"Cher Antoine", interrompeu o moço ao lado! Pra tirar sua concentração só usando a formalidade. Tão lindo foi aquele momento que juro pensei em tornar meu sono eterno pra jamais voltar a minha realidade...
"Deixa o verão pra mais tarde!" sussuraste no meu ouvido... Pensando bem é isso mesmo, as visitas podem esperar... Já erámos um casal de idosos, podíamos na nossa vida mandar. Apesar de que nossa mente oscilava entre o que pensa O Velho e O Moço, nossos direitos ninguém ousava questionar.
Eu acordei achando ter sonhado mas, olhando pro lado, tive a doce sensação de te ver sorrindo, como se tivessemos partilhando do mesmo momento lindo que achava eu ter sido fruto da minha imaginação... Vê-lo do lado todos os dias da minha vida, era mais que um doce deleite, era a minha fiel realidade. Obrigada meu amor, por está sempre presente mesmo quando se faz ausente.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Seleção natural.


Chega tudo junto, mistura mas com o tempo a seleção natural é feita. Música, comida, amigos, só os melhores ficam, ao menos na minha vida! Não gosto do que não presta, segundo minhas convicções... Que podem prontamente não ser as suas!
Eterna evolução, é examente essa a frase correta! Regredir jamais. Claro que isso não implica dizer acertar sempre, muito pelo contrário. Antes do acerto vem o erro, muitos erros. São eles que nos ensinam a ficar com as opções corretas no final. Corretas pra pessoa, pra mim no caso. Gosto de deixar isso muito claro sempre, porque adoram dizer que sou dona da razão. E sou, da minha razão, ela me pertence.
Perdeu? Recupera na frente... Ou não! Quem sabe a perda foi pra vir algo melhor depois? Óbvio que entender isso não é fácil... Nada fácil! E me diz: o que é que é fácil que é bom? Que é duradouro? Não me recordo de nada...
Vem complicado, dificilmente vai fácil, muitas vezes nem vai, fica! Eu tenho 26 anos e errei muito, erro muito ainda claro, mas eu tomei pra mim alguns nortes, que me guiam. Não procuro entender tudo, o porquê de tudo, piraria se continuasse assim! Não quero impor nada pra ninguém, opino, escuto você, mas eu não mudo o que penso/acho pra te satisfazer. Posso mudar de opinião, mas não por ninguém, única e exclusivamente porque eu assim quis... SOMENTE POR ISSO!

terça-feira, 31 de agosto de 2010

"O velho e o moço."



Quem me conhece sabe da minha intensidade e verdadeira admiração pelos meus amados ídolos... Tornei-me fã do Los Hermanos não tá com muito tempo mas a profundidade das canções de Marcelo e Amarante me tocam por completo como se fizessem parte da minha vida desde o início da existência da banda!
Eu fui ouvindo tudo e me identificando mais com algumas músicas; fui vendo que a maioria eram composições de Rodrigo Amarante. Resolvi, com todas as dificuldades que as músicas perfeitas de um compositor espetacular, escolher minha favorita!
Prestei atenção nas letras, nas melodias e pá! "O velho e o moço." É ela!!! Eis abaixo uma audácia da minha parte em analisar a letra dessa canção tão maravilhosa que se encaixa tão bem na minha vida!
Amarante meu querido que me desculpe pela cara de pau de mecher com coisa de profissional mas eu vejo sua música assim... Se bem que a possibilidade de ele ver isso é quase zero! Então vamos lá:

"O velho e o moço"- Rodrigo Amarante de Castro Neves. (Só pra vocês saberem que sei o nome dele todo e que é tão lindo quanto ele! Risos... Tá bom, parei!)


Deixo tudo assim/ Não me importo em ver a idade em mim= ele sabe que envelhecer é inerente ao ser humano. Não se importa com a aparência que isso lhe trás.

Ouço o que convém/ Eu gosto é do gasto= ouve o que será bem aproveitado e adora o gasto, a sabedoria que o gastar lhe trouxe com o passar dos anos. Gastar significa nesse caso adquirir experiência. (Trata-se do velho, a parte que fala que ele só ouve o que convém pode ser também ligada ao fato de as pessoas velhas terem dificuldade de audição).

Sei do incômodo e ela tem razão/ Quando vem dizer, que eu preciso sim/ De todo o cuidado= a teimosia do idoso em achar que nunca precisa de cuidados, mas no fundo admite que sim! "Ela" tem razão em cuidar dele, porque ele é frágil, necessita de cuidados especiais.



E se eu fosse o primeiro a voltar pra mudar o que eu fiz quem então agora eu seria?- levando em conta a possibilidade de voltar no tempo e mudar tudo que fez, seguir outros rumos, indaga quem ele seria se tivesse feito outras escolhas.

Ah tanto faz.../ E o que não foi não é= sabe o quanto improvável é voltar no tempo, e sabe mais ainda que suposições não mudam situações.

Eu sei que ainda vou voltar/ Mas eu quem será?= acredita que voltará a viver de alguma forma e se pergunta como voltará, quem irá ser na próxima oportunidade de viver nesse mundo... Ou em outro! De viver, enfim.

(Até aqui falou do velho, daqui por diante vai falar o moço).

Deixo tudo assim/ Não em acanho em ver vaidade em mim= sabe que tem vaidade, que ela veio mesmo com os anos que passaram. Não sente vergonha disso. (Hoje li um blog foda- http://decifrandoloshermanos.blogspot.com/ - que fala dessa parte do VAIDADE fazendo conotação com Vai Idade! Não tinha visto por esse ângulo ainda...)

Eu digo o condiz/ Eu gosto é do estrago= fala o que acontece, tal e qual realmente foi. Precisa extravassar, adora os excessos. (P.S= SOU EU! RSRS)(Diz o que condiz, bem típico do jovem, falar o que quer, acha sua verdade absoluta).

Sei do escândalo/ E eles têm razão quando vem dizer/ Que eu não sei medir nem tempo nem medo= acredita que suas convicções causam espanto e tem plena certeza de sua coragem, da ausência de noção de tempo. Vive hoje, amanhã não sabe o que será.

E se eu for o primeiro a prever e poder desistir do que for dá errado?= se indaga de como seria uma vida sem erros... Isso é mesmo coisa de jovem!

Ah, ora se não sou eu quem mais vai decidir o que é bom pra mim?= sabe que é o senhor de sua vida, o único capaz de escolher o que será melhor pra si e que ninguém além dele saberá tomar decisões mais apropriadas para seu bem estar. (Atitude tipicamente jovem, achar que só ele sabe dá rumo a sua vida e que não precisa aceitar opinião de ninguém).

Dispenso a previsão= o futuro será sempre uma icógnita. (O jovem sempre acha que sabe tudo, que é o único dono de sua vida, não quer ouvir conselhos).

Ah, se o que eu sou é também o que eu escolhi ser/ Aceito a condição= formou-se a partir do momento que fez suas escolhas, gosta do resultado e aceita as regras do jogo da vida. (O jovem não gosta que queiram decidir a vida dele por ele, ele faz isso sozinho).

Vou levando assim/ Que o acaso é amigo do meu coração/ Quando fala comigo/ Quando eu sei ouvir... = leva a vida sabendo de suas "sortes", que o acaso "fala" com ele, que quando ele o escuta, com os ouvidos do coração, a felicidade adentra sua casa.



Bem amigos, é assim, mais ou menos assim, que enxergo essa canção e que a levo em mim como a favorita, a melhor de todas, a lição de vida que tomei pra mim!
A escuto todos os dias, quase sempre faço ela ser a primeira e a última de cada dia pra começar e terminar bem minha missão diária.
Assim como oro ao acordar e ao deitar, escuto "O velho e o moço" e faço dela também, porque não dizer, uma forma de orar, de agradecer a Deus pela vida. A minha, a dos meus familiares, dos meus amigos, de todos que me rodeiam e também do Amarante! Pra que ele continue com esse dom de escrever belas canções pra viver muitos e muitos anos tocando na trilha sonora da minha vida...


P.S: isso é uma interpretação MINHA! Não quer dizer que está correta, quer dizer apenas que é a forma como eu vejo a música tá?! Não sou especialista em Los Hermanos, nem em Rodrigo, apenas amo a canção e a entendo assim... Beijos!

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Realidade virtual.

Sabe quando você descobre que se enganou completamente sobre muitas certezas que você achava que tinha? Pois é...
Não se entrega nunca, jamais, de forma alguma pra alguém que você não convive a pelo menos 6 meses. Seja pra amigos, namorados, pessoas reais ou virtuais.
Não saía falando seus sonhos, seus desejos mais ocultos, suas vontades mais loucas pra qualquer um. Saiba guardar dentro de si o que foi feito pra ficar alí. Tem coisas que a gente não divide antes de ter total certeza do que sente, do que fala.
Intensidade tem que ser dosada. Precisa ser sentida, mas na medida! Apesar de eu ser uma pessoa 8 ou 80, tudo ou nada, aos poucos estou aprendendo a ser meio termo, nem quente nem frio porque acreditem, tem gente que precisa receber uma dosagem mediana antes de aumentar o tratamento ou se livrar de vez do remédio.
Observe os comportamentos, analise as palavras e os atos. Ninguém é igual com todo mundo pois todos são diferentes. As atitudes necessitam ser diferentes com cada pessoa. Ninguém é 100% legal muito menos 100% besta.Ninguém conhece ninguém é a frase mais certa que existe no mundo!
E mais: conheça sim pessoas! Isso faz bem demais só não ache que porque conheceu alguém, vocês se deram bem nas primeiras conversas aquele alguém é seu melhor amigo ou seu amor eterno. Ninguém ama da noite pro dia porque amor é convivência, é conhecimento, é dia a dia. Não se ama ou se chama de melhor amigo sem antes ao menos saber diferenciar quando a pessoa tá triste de quando ela tá feliz!
Contar a vida pros que mal conhece fode a vida do sujeito... Ah e como fode!!! Sei disso... Risos. E se queres alguém pra confiar, tens seus familiares, seus amigos mais íntimos, aqueles com quem só de você dizer "oi" sabem se você tá com algum problema ou não.
Os amigos virtuais as vezes são mais reais que os que estão a seu redor mas tenham certeza que são poucos os que se pode confiar realmente. Colegas a gente encontra em qualquer esquina, amigos só nas mais escondidas e de difícil acesso.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

A carona.



Ele conseguiu com aquele primeiro contato me deixar abobalhada! Foi uma aula espetacular, ele era muito inteligente, envolvente, nem tem como sair de uma aula de Pedro sem já querer a próxima.
Ele me oferece uma carona sem ao menos perguntar pra onde estou indo. Estou envolvida demais por ele para conseguir dizer não. Aceito! Vamos até o carro, o cara abre a porta pra mim. Tá, não precisava disso, podia ter sido estúpido, me empurrado pra dentro do carro e tirado minha roupa ali mesmo. Meu pensamento foi interrompido por uma pergunta “Você não vai entrar garota?” Ah sim, entrar no carro, vou sim!
Vamos no caminho conversando sobre a próxima aula, ele me dá um texto pra eu ficar sabendo do que ele vai falar. Isso de monitora tá mesmo sendo levado a sério, não que eu não esteja gostando... Quem sabe umas conversas entre professor-aluna no meio de uma noite de sexta pra tirar dúvidas não role né? Enfim... Chego ao trabalho, levada por aquele homem, que quer descer, quer conhecer meu canto! Certo, eu deixo. Abro a porta do cantinho que me consome a tarde e parte da noite, tem umas coisinhas das minhas pesquisas, muitos escritos inacabados em cima da mesa, uns restos de bebida ao lado do computador e uma coca cola dentro da geladeira.
Ele é curioso! Quer saber sobre o que especificamente eu pesquiso. E eu lá sei responder isso! Eu pesquiso o ser humano, eu estudo filosofia, artes, sociologia, psicologia, eu adoro saber a história da humanidade! E amo me comunicar com as pessoas através daquele computador.
Ele confessa não ser amante da tecnologia! E diz que não sabe como posso ser tão extrema. Amar a filosofia e ao mesmo tempo ser tão enfeitiçada pela tecnologia. Explico pra ele “Pedro, o extremo me ama! E eu o amo ainda mais. Com todas as minhas forças!” Ah e como isso é verdade...
Aquele espaço me permite conversar com pessoas do mundo inteiro, pôr em prática meus estudos, trocar idéias, experiências, enfim é meu paraíso! E ainda ganho com isso. O que mais posso querer?
Ele tem curiosidade de saber como a coisa funciona. Ok vou explicar. Tenho o blog, nele posto algumas coisas, mas nada é definitivo! O espaço fica lá aberto pro próximo continuar. E assim vai... São posts inacabados sempre. Mesmo que se mude de assunto o anterior está sempre lá à disposição.
Pedro entende claro é inteligente! Mas não entende como aquilo pode dá grana. Explico sobre as propagandas que estão em volta do blog inteiro, digo que a gente recebe grana pra colocá-las ali que a partir do momento que nos solicitam a postagem dos links, aquilo se torna uma propaganda e a propaganda é paga. Como a gente já tá a um certo tempo no ar e temos um número considerável de leitores, os contratos com nossos clientes são semestraus e a gente tem vários. “Graças a Deus as coisas são prósperas!” digo pra ele. Ele se espanta novamente “Sua fé! É notável... E ainda mais estranho! Uma estudiosa, futura Socióloga, temente a Deus! Isso é no mínimo raro!”
Eu dou uma longa e gostosa gargalhada! E como ele tem razão. É mesmo raro! Porém nada que aconteceu na minha vida me fez perder minha fé em Deus, muito pelo contrário, ela só aumentou...
Pedi muito a Ele pra iluminar minha vida nos momentos de dificuldade e Ele assim fez. Deu-me tudo, no tempo certo! Até paciência Ele me deu o que dirá todo o resto! Pedro é só sorrisos, e sorrisos irônicos, dignos de um ateu convicto! Só que como tudo nele é mistério, ele confessa que não é ateu. Acredita numa força maior só não a chama de Deus. Tem dias que chama de luz, de paz, de felicidade. Não a define com um nome. Fico boba com aquela definição do que Deus é realmente. Falo pra ele “Ah você pode ter certeza que Deus está dando uma gargalhada extremamente gostosa nesse momento te ouvindo falar isso! Ele está feliz por você vê-lo exatamente como Ele é!” Pedro sorri bonito, mais que antes e diz “Como você diz isso com tanta certeza?” Respondo que minha relação com o Pai é intensa, eu O sinto sempre e pra ele não duvidar de mim que o lance é sério! Risos. Depois disso tudo, nos damos conta que o tempo não passou, voou. E combinamos de nos vermos no dia seguinte. “Um almoço?” ele pergunta. Dou duas respostas, uma pra mim “Só se meu prato principal for você!” e outra pra ele “Claro que sim!” Trocamos telefone e ele se vai.
Sabe aquela típica cena de filme, que quando o carinha saí a mulher fica bobinha, dando pulinhos, fazendo “Yes, Yes, Yes!” com as mãos em forma de gesto de vitória? Então, exatamente isso!
Concentro no trabalho. E ele foi extremamente proveitoso naquela tarde! Chego em casa cansada demais mas nada que não me deixe sentar na mesa da casa da vó e assistir aquele episódio repetido do Chaves ao lado do meu avô. A risada mais gosta do dia dou ali ao lado dele!
Vou dormir feliz e tenho certeza absoluta que aquele homem não apareceu por acaso... Quando estou quase cochilando, uma mensagem no celular. Putz, Pedro “Tive belos motivos pra sorrir hoje! E conhecê-la foi o maior deles. Tenha uma boa noite e não esqueça nosso almoço, você escolhe o cardápio! Beijos, Pedro.” Ah que covardia. Assim não vale! Jogo baixo... Como assim eu escolho o cardápio?! Tá vamos lá, concentrando na resposta “Olá Pedro. Todos os meus sorrisos hoje foram também muito motivados. A maioria deles por você! Tenha também uma linda noite e já escolhi o cardápio... Amanhã falo pessoalmente. Beijos, Cínthia.”
Essa foi a resposta formal mas a que minha mente pervertida imaginou foi “Eu só estava esperando uma manifestação sua pra poder te escrever pra não parecer tão vulgar eu mesma tomar a iniciativa de te mandar algo! Claro que você hoje me fez sorrir, e muito! E aguçou minha mente como a tempos não acontecia. Vamos almoçar amanhã e te escolhi como cardápio. Meio dia espero você! Beijos, Cínthia.”
Quem sabe na próxima eu dou essa resposta não é mesmo?!








Continua... Rararara estou começando a gostar disso mais do que imaginei...

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

O começo.


O mais safado de todos é sempre o mais interessante... Aquele que olha você da cabeça aos pés, é mais charmoso que inteligente, usa aqueles óculos de grau só pra aumentar o poder de sedução, tem uma voz que envolve e aquela barba sensacional!
Isso sem falar no sorriso... Gente que sorriso é esse?! Sabe que cara ele tem sempre? A de professor! Eu sempre que vejo um homem com cara de safado imagino logo ele me dando aula na faculdade... Do jeito do cara do meu sonho de ontem a noite! Oh céus, que homem era aquele?!
Usava um óculos preto, tinha um cabelo meio que grande, um fisíco normal, na verdade nem olhei pra isso. Mas a voz dele... Cristo Deus, era encantadora! As mãos tão lindas... Mas tão lindas! E os braços?! Conjunto perfeito: belas mãos, lindos braços e uma voz estontiante!
Não lembro bem o que a gente conversou, mas era algo sobre a língua dos sinais. Eu tava sentada em baixo de uma das árvores que tem lá na UECE (Universidade Estadual do Ceará pros meus leitores-turistas! rsrs), ele passava, caminhando lentamente, eu o olhei, juro, na maior cara de pau do universo inteiro, larguei o livro que eu estava lendo e fixei meus olhos nele. Daí ele deu uma volta e o perdi de vista... Quando eu estava novamente distraída, ele surgiu do meu lado e disse "Oi!".
Nooossa eu quase infarto! Tomei um susto,porque eu tava pensando em quem seria aquele homem tão interessante que eu havia acabado de ver. E pá, ele chega do meu lado! Nem respondi ao oi, apenas sorri. Ele pergunta se pode sentar, respondo que sim, mas também sem falar nada, só aceno com a cabeça. Ele senta, me pergunta se faço Ciências Sociais, enfim saí uma palavra da minha boca! Respondo que sim, tô começando naquele dia na verdade. Ele me diz que é professor de uma disciplina chamada Ciências da política; tá, só isso! O cara ensina só isso... OMG! Eu respondo que terminei Pedagogia mas que nunca atuei na área. Daí vem o assunto da Libras, ele me pergunta se eu entendo e sei me comunicar em Libras, respondo que sim, me viro bem! Ele diz que tem certeza absoluta que serei de plena ajuda pra ele porque na nossa sala tem um aluno deficiente auditivo. Eu me deixo a disposição desde já, óbvio! E caralho, eu acordei...
Contei o começo do meu sonho porque vou contiuar ele aqui, em forma de história! Já que minha mente não me deixou continuar sonhando, eu invento um desfecho pra esse sonho acordada mesmo! Vamos lá...
Conversamos por uns minutos e nos demos conta que estava na hora de ir pra sala. Minha primeira aula naquele curso com o qual eu estava tão impolgada já ia ser com aquele professor que me encantou logo a primeira vista!
Entramos em sala, vi aquela mescla de alunos, tão diferentes mas com uma coisa linda no olhar. Eles estavam alí por vontade, eram quase todos maiores de 21 anos e não estavam alí porque o pai e a mãe queriam, ao contrário, eles nem gostaram da escolha dos filhos "Como você vai viver sendo formado em Ciências Sociais?!" era sempre a mesma pergunta... Mas estavam alí por vontade mesmo, por curiosidade, por querer estudar a sociedade e entender como a gente chegou até aqui. Em especial queriam saber como modemos mudar, como é que pode ser daqui por diante.
Começa a aula, temos aquelas apresentações inevitáveis e o Pedro, o gato do professor, deixa a mim e ao Luiz, o deficiente auditivo, por último. Ele explica a dificuldade do Luiz em ouvir mas diz que isso não vai ser problema! Enfrentaremos isso juntos. E depois vai dizer porque me deixou pro final; pede pra que eu me levante, eu levanto, me apresenta como monitora dele! What?! Como assim monitora?! Eu faço um ar de assustada mas não me esquivo, digo quem sou, o que faço, minhas pretenções quanto ao curso e digo pra turma que não sou monitora, Pedro está brincando. E ele diz que não, que ele me escolheu pra essa função e que não posso negar.
Ok, até isso! O cara impõe... Eu gosto de quem impõe! Tá, vou ser sua monitora meu querido mas isso vai lhe custar muito caro... Minha mente pensa isso, não posso falar em voz alta! Só um respondo um "Sim senhor!" e me sento.






...Continua em breve! Ou não!! Brincadeira continua sim... =***

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Passou e levou tudo...

O homem mais interessante da noite te olhou da cabeça aos pés e te despiu com os olhos... Ele não só é o mais interessante é também o mais envolvente. E caralho, ele não faz esforço pra isso, é natural!
Você fica esperando dele ousadia, atitude, mas ela não vem. Mas por que te atiçou se não vai chegar as vias de fato? Tá, o passo a passo... Essa aula você faltou! Primeiro os olhares, depois a conversa, em seguida a troca de contatos. Quem sabe no próximo encontro um beijo?
É aquela coisa... Quando você pensou que o homem por quem você esperou anos não exista, quando se desiludiu da vida quanto a relacionamento, eis que surge o avassalador ladrão de corações!
E como se não bastasse levar o seu, ele ainda arrasta sua mente junto! Que coisa hein? Pede pra ele te ensinar depois, porque você vai precisar...
Agora você tá aí, em casa, sem sono, não sabe como vai lidar com isso tudo mas sabe de uma coisa: você não desiste de nada, facilmente então, pior!!!
Ah você sabe que ele vai ser seu de alguma forma... Será que ele ficaria muito chateado se você aparecesse assim, do nada, onde ele mora, batesse na porta e falasse "oi, vim te ver!"?
Isso você só vai saber fazendo... Ainda tá cedo, pode ser que dê tempo fazer uma visita... Ele que não duvide de você!!!

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

E por que não?!


Mas que delícia que é amar você menino... Até seu "pior" lado eu amo! Seus defeitos, seu mau humor matinal, tão parecido com o meu, e esse teu cabelo assanhado? Essa carinha tão linda, essa voz tão inebriante, a mesma que ouvi antes de dormir é a que ouço ao acordar, e assim seja, sempre.
Nosso cantinho tá pronto! Ah que sonho hein? Com nossa cara, do nosso jeito, com nossos toques!!! A cozinha com tudo que você gosta, sim porque é você que a usa bem mais que eu! A sala com nossos computadores, com nosso video game, nossa tv, nossos filmes. E claro com nosso futebol reinando as quartas e domingos.
E nesse domingo, tem jogo, tem clássico! A gente se arruma, vestimos nosso manto, fazemos nossa oração, vamos ao estádio. Vibramos juntos, sofremos a cada ataque do adversário, xingamos o juiz com um "filha da puta" tão veemente que tenho certeza que o estádio inteiro ouviu! Mas o momento mais sublime é a comemoração do gol!!! Puta que pariu que golaço do caralho!!! E você nem se importa quando seus amigos comentam que entendo mais de futebol que você! Ao contrário, você se orgulha disso. E na saída do estádio, o par ou ímpar, vamos ver quem vai ser o motorista da rodada! Eu perdi, tudo bem, você bebe hoje!
Os amigos não entendem como nos damos tão bem, como troco uma tarde no shopping por uma tarde no estádio. E o que tem de difícil nisso? Eu amo futebol, eu adoro estar alí participando ativamente de tudo que diz respeito ao meu time. Isso é bem melhor que uma tarde falando merda com meia dúzia de mulher, que, diga-se de passagem, só sabe reclamar e falar da vida alheia.
Terminados todos os questionamentos vamos pra nossa casa, felizes, com a vitória do nosso time, com você mais pra lá que pra cá, com nossa felicidade estampada na nossa cara.
Sempre me questionam como consigo ter tanta paciência pra essa vida a dois. E sempre respondo que ela não necessita de paciência, necessita de cumplicidade. Perguntam também "Mas vocês nunca brigam?!", claro que brigamos, óbvio. Mas a gente sempre resolve com jeitinho, e todas as vezes terminamos da mesma forma, na cama ou na sala jogando video game.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Múltiplas facetas.


Você tenta me entender? Ah, não tente, quebrarás a cara bonito! Nem eu consigo... Não sou uma, nem duas, sou zilhões... Cada situação faz despertar em mim uma pessoa diferente; várias "eus" formam a eu completa. Confuso? Sim! Óbvio!!! Eu sou confusa, eu gosto de não ter nada definido na minha vida. Estou sempre disposta a mudar, a adquirir novas experiências, a conseguir, com o passar do tempo, me moldar a cada situação que a vida me apresenta.
Amo sentir orgulho! E tenho orgulho de ter dentro de mim convicções adquiridas com exemplos vivos e importantes. Me orgulho da minha família, dos meus amigos, dos meus amores.
Ah como sou muitas... Todas verdadeiras, todas fiéis. Aos que acho certo! Se você tem uma teoria, eu não concordo mas te respeito porém jamais espere de mim uma mudança de postura. Eu não mudo por ninguém! O que sou é isso que me mostro ser, sem máscaras. Sou mesmo muitas mas todas verdadeiras.Posso ser multi mas nenhum dos meus "eus" se curva a suas vontades, aos seus ideais. Os ideais que sigo são meus. Me moldo a você, conviveremos bem, não terás problema comigo mas não tente me mudar. Não tente fazer de mim alguém que não sou... Não conseguirás nunca!
Minha mente trabalha a mil por hora. Hoje quero ver futebol, amanhã vou querer ver filme pornô, depois de amanhã posso estar a fim de um cinema, a dois, vendo uma trilha sonora romântica. Posso ser tantas! Posso comer de tantos pratos, posso saborear tantos gostos mas meu paladar só fica com aquilo que me dá prazer, sempre.
É pra isso que serve a vida: pra te dá prazer! Se você sente prazer comendo chocolate, coma. Se sente prazer fazendo sexo, faça. Não importa como, mas sinta prazer, sinta o gosto bom das coisas sempre. É nisso que consiste a felicidade, em fazer dos momentos fontes inesgotáveis de prazer, de satisfação. Não faça nada forçado, não se rebaixe a quem não merece, não se prenda a coisas pequenas, isso não te levará a lugar algum.
Pegue uma pessoa querida, se dirija a ela com sinceridade, a olhe nos olhos, diga que a ama. Se seu amor por ela for carnal, a leve pra cama, pra rede, pro sofá, ame-a, entregue-se mas não se iluda, não se prenda tanto. Entenda que a vida é uma bela e grande viagem, onde as pessoas são os países, que tem que ser explorados, conhecidos, saboreados. E por último e o mais importante: não tenha medo de julgamentos. Eles vão acontecer sempre! Você fugindo deles ou não. E viva sua vida, com fé, pé no chão, amor e muita, muita satisfação. O andar da carruagem não depende só do animal que a leva mas principalmente do cara que a conduz.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Eu sinto...

E você sempre chega com esse jeito meio malicioso, meio santo, esse olhar que me deixa completamente embriagada. Como sabes meus pontos fracos, como me conheces! Isso me dá medo...
Por que deixar essa barba por fazer? Por acaso desconheces o barbeiro ou a máquina de barbear? E esse cabelo, você sempre cortava, depois que falei que amava ele maior você não cortou mais. Precisa dessa voz também? Sua voz é sensacionalmente envolvente, inebriante, capaz de me levar pra tantos lugares ao mesmo tempo...
E o envolver dos teus abraços embalam os meus sonhos de todas as noites. Esse braço grande, capaz de afagar até minha alma. Nem no meu mais otimista pensamento você aparecia tão lindo, tão doce, tão sedutor.
Meus olhos enxergam você na minha cama, no amanhecer dos meus dias. Sempre. Eles enxergam seu sorriso doce e perfeito gargalhando das minhas bobagens enquanto a gente toma aquele vinho na mesa de centro da sala de estar, ao som de, deixe-me ver, ah ao som de Led Zeppelin. Ou de qualquer outra banda que a gente ama. Porque até isso menino, até isso você tinha que ter em comum comigo! Esse gosto musical... E porque não Los Hermanos?! Óbvio! Nossa banda nacional predileta...
E não, eu não o idealizo, você fez o favor de vir ao mundo pra me deixar assim, abobalhada, pra me fazer sentir a criatura mais idiota da face da terra por não controlar nem o tremido das mãos quando você chega perto e para deixar de lado a minha teoria boba que não posso demonstrar amor por quem sinto... Eu posso sim, é tanto que estou aqui, dizendo eu te amo, eu te quero pra mim, eu não consigo mais viver sem você.
Fica a seu critério tá?! Estarei sempre aqui... No mesmo lugar, o lugar de sempre... Que é meu mas foi criado pra ser nosso! É só você falar meu nome nem que seja em pensamento que pá, eu apareço! Estou no aguardo, sempre...

E o casamento hein?!


Sempre fui a favor dos relacionamentos sem compromisso! Cada um na sua, cada macaco no seu galho. Eu acho que a convivência estraga tudo. Morar debaixo do mesmo teto com aquele carinha que você escolheu (ou não) para dividir a cama não é boa idéia.
Casais brigam! Quando namorados cada um vai para sua casa, dorme com ódio do outro, jura nunca mais olhar na cara da pessoa na vida, tem vontade de matar! Mas e se forem casados? O que fazer? Como dormir do lado de quem você deseja a morte? Por isso falo: melhor não casar.
E me fala: casar para que? Se for para fazer sexo é desnecessário, para ter filho também. Então para que? Só para dividir o mesmo banheiro?! Puta falta de sacanagem! E dividir o seu computador com ele? Como você vai conversar suas pornografias com aquelas amigas que moram longe sabendo que seu marido vai estar ali do lado a todo instante monitorando tudo que você escreve? E falar mal dele, que ele deu a pior foda da vida na noite anterior, que ele não ousa, que não te deixa nem fazer pedir um sexo oral que já vai logo reclamando “Ah, mas isso é nojento!” Nojento hoje né seu filho da puta! Mas na conquista eu definia você, que me satisfazia com um oral de vez em quando, como o cara que sabe fazer uma mulher feliz...
Eu penso sempre em um motivo que me convença que casamento é um bom negócio, mas juro que ainda não consegui achar nenhum que seja. Minha mãe me fala que tenho coração de pedra, que quando eu encontrar um homem realmente digno vou mudar de idéia. É mãe, pode até ser, mas e esse tal homem digno cadê?! Me mostra onde ele estar que vou lá correndo conferir.
Mulher moderna é uma merda mesmo! Adoramos homem só não o queremos no nosso pé 24 horas por dia. Será que isso é complicado de entender? Todo homem devia querer ter uma mulher moderna como companheira. Ela será aquela que, quando você desejar tomar umas no bar da esquina, não vai brigar contigo, mas sim te acompanhar, beber com você e ainda te carregar de volta para casa, isso se não precisar ela ser carregada...

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Um artista a frente do seu tempo.


Vendo humoristas de stand up mundialmente famosos como como Seinfeld, Chris Rock, Biil Cosby, Richard Pryor, Bill Hicks, Letterman, dentre outros me veio a mente escrever esse post.
Esses moços com suas mentes muito além do tempo me lembram a todo instante o Danilo. A forma de pensar dele, a forma que ele faz humor, os temas que aborda, são todas características de um cara que definitivamente tem a visão enxergando de perto o infinito.
Quando leio os textos de Danilo de 2006 por exemplo chego até a arrepiar! E fico pensando o que pensavam os que com ele conviviam naquela época. Será que o criticavam, acreditavam nele ou simplesmente o ignoravam?! E Danilo será que tinha em mente que, 4 anos depois de iniciar sua carreira de humorista, seria esse cara tão admirado, inspirador e capaz de lotar teatro até no Acre? Tá bom, no Acre não mas em muito lugar tão longe quanto ele já fez essa façanha.
Se dizer fã do Danilo virou clichê hoje em dia... Mania de adolescente tosca(salve-se de raras excessões)que acha que se dizendo fã de um cara inteligente vai ser inteligente também.
Agora ser admiradora do que o Danilo tem de melhor é privilégio de poucos... E o que ele tem de melhor é o cérebro! É a parte do corpo dele mais linda e mais encantadora. Eu sou simplesmente apaixonada pela mente do Danilo! Quando vejo um texto novo, uma piada diferente eu penso "Caralho como ele consegue?!" e juro, não encontro resposta para essa pergunta!
Quando vi o vídeo dele do cigarro eu me apaixonei totalmente pela forma como ele se expressa, pelos pensamentos e mais ainda por como ele faz disso um texto, encaixa essas idéias num contexto primoroso.
Confesso que gostar de uma pessoa que tem uma mente tão brilhante não é nada fácil! Não dá para acompanhar certas coisas que o Danilo faz sem estar antenada, bem informada, por dentro de alguns acontecimentos. E isso me faz amar ainda mais tê-lo como exemplo. Ele não só me faz rir, ele me melhora como ser humano!
Cada tirada, cada frase, cada réplica numa reportagem que Danilo faz me deixa encantada e orgulhosa ao mesmo tempo. Porra, como pode? Eu sentir orgulho dele... Ele não é meu parente, não é meu vizinho, nem meu amigo de infância... Mas sim, eu tenho orgulho dele!
Inteligência é uma característica que sempre me chamou atenção... Eu sempre fui apaixonada por pessoas cultas, que conseguem se expressar sobre qualquer assunto numa roda com os mais diversos tipos de pessoas. Eu sempre brinco que uma mente brilhante vale mais que qualquer outra coisa.
E como amo inteligência, amo o Danilo, amo o texto do solo dele, amo as reportagens que ele faz mesmo quando o próprio vem e diz "Ah Cínthia minha matéria hoje tá meia boca!"
Amar o inteligente te faz precisar ao menos se esforçar para ser assim também! Buscar conhecimento, informação, entendimento. Como fazer para acompanhar uma conversa com um cara com uma mente tão pulsante sem ao menos entender parte dos pensamentos dele? Não dá!
Quando dizem para mim "Ah mas o Danilo não tem nada demais!" eu digo "Ah velho ele te sim! E como tem... Ele tem uma mente a frente do seu tempo... Ele tem a visão lá, bem longe!" Óbvio que para quem não o conhece fica fácil falar que ele não tem um diferencial. Mas ele tem, não só um, ele tem vários! E o maior de todos eles é conseguir extrair das pessoas um senso crítico.
O amor que hoje eu sinto por Danilo é totalmente incontrolável para mim! Calma, não sou louca de sair por aí na rua gritando "Dan eu te amo!" não não isso nunca! Rsrsrs... Digo incontrolável no sentido de, cada vez que ele faz algo novo, ele me surpreender positivamente e me fazer dizer para mim mesma ou para quem quer que seja "Caralho eu escolhi certo, e escolhi bem! Meu ídolo é foda!"
Sabe quando você se orgulha de uma escolha? Eu me orgulho de dizer: Danilo eu tenho sorte de ter você! Para admirar, para amar, para chamar de ídolo, de amigo, de irmão!
Obrigada mesmo por tudo! Em especial por dividir conosco parte dessa parte do seu corpo tão linda, tão rara, tão possante e tão grande: seu cérebro! Calma bando de maníacas, não estou falando de outra coisa não viu?! Hahahaha. =p

terça-feira, 13 de julho de 2010

Diferentes formas de se receber uma crítica.


Acordo as 7 da manhã, entro no twitter as 7:30(sim eu sou viciada!)e me deparo com uma chuva de tweets pra Danilo e pra Mion. Tudo porque Danilo tuitou na madrugada um vídeo que retrata a verdade sobre o programa do Mion, Legendários.
Comecei a filosofar... E por isso mesmo resolvi vir aqui, tirar as teias de aranha desse blog com um post. Então vamos lá!
Crítica é um negócio escroto, pesado, de difícil digestão. Quando é pública então, piora! Mas analisa comigo, se você tá exposto, se propõe a fazer algo, não consegue, recebe bombardeio de tudo quanto é lado porque não fez o que disse que ia fazer, vem alguém e te manda uma prova de que você realmente tá pisando na bola, falou asneira, você não deveria ao invés de ficar magoadinho entrar no embalo?!
Eu acho que sim! No caso do Mion, ele poderia ter feito o que fazem os artistas e os humoristas americanos, entrando na onda, zuando o Danilo também! Mas não, claro que ele não ia fazer isso. É muito acéfalo pra conseguir agir dessa forma. Se o Mion fosse um pouquinho mais esperto ele podia tirar proveito da situação. Zuar Danilo, marcar com ele uma entrevista, dizer que não conseguiu ainda revolucionar a televisão brasileira mas tá tentando... Isso daria um ibope do caralho pro Legendários e ainda mudaria a visão do público em relação a ele.
Quanto ao Danilo... Bem,algumas vezes tive oportunidade de dizer a ele que ele nasceu no país errado, que o Brasil não tá preparado pra receber o tipo de humor que ele faz. As pessoas aqui são muito mesquinhas, se doem demais com o que falam delas, não tem senso de humor, não sabem tirar proveito da situação. Lá nos EUA eu tenho certeza absoluta que o Danilo seria um ícone! Mas ele não tá lá né? Não nasceu lá, nem mora lá... Sorte a nossa!
Vai lá Danilão, continua assim, incomodando, mechendo, importunando, sendo calo no sapato desse povo recalcado! É por isso que eu admiro tanto você, porque além de ser essa pessoa linda que nem preciso falar aqui, tem essa mente brilhante, essa cabeça pensante e fervilhante!
Incomodar, a arte que Danilo Gentili sabe como poucos executar!!! Ele pode não revolucionar o humor no Brasil mas ele tá tentando...

quinta-feira, 24 de junho de 2010

E amar o que é?!

Amor: sentimento nobre, sentido verdadeiramente por poucos, erroniamente pela maioria e falsamente pelo resto. Dizer que ama hoje em dia virou clichê, conversa de madame, tietagem de adolescente.
Eu amo também, verdadeiramente posso garantir! Tenho amor a vida, a minha família, aos meus poucos porém fiéis amigos. Amo amar, adoro dizer eu te amo para alguns, tenho dificuldade de dizer eu te amo para outros.
Mas dentro do meu coração o amor é tão forte, tão pulsante, tão na cara que não preciso falar! É a velha ação que vale mais que mil palavras.Se você ama, diga, se não consegue falar, demonstre, se não consegue demonstrar, faça o bem a pessoa. É isso que a gente leva da vida, as experiências, os momentos de felicidade, as coisas boas que vivemos nesse mundo.
Depois, ah depois ninguém sabe! O que tem depois da morte jamais saberemos. Ninguém voltou pra contar... Nem voltará eu acho! Voltar pra que né? Uma vida nesse mundo já é mais que suficiente!
Eu sou meio boba, tenho a imaginação fértil demais! Muitas vezes me pego imaginando como é depois que a gente morre... Será que a gente se encontra, se reconhece? Será que estaremos só em espírito? E o céu? E o purgatório? Sei que a Bíblia responde muitas dessas questões, mas e aí? Eu não sei se posso entender o que ela me fala...
Eu só sei que a vida é só uma, isso é fato! E aproveitar o que a vida te dá é mais que obrigação... Nada é fácil, nem por acaso!
Acredite no amor, acredite em Deus, na família, esses são bens realmente preciosos. Sem o resto você vive, sem esses não!

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Lutas inúteis!

Hoje pela manhã meu amigo Felipe Rodrigues, o @ProRodrigues para os twitteiros de plantão, deu um bom dia no qual eu me encaixei! Ele twittou:"@prorodrigues: buenas! bom dia a todos vcs que lutam por nada!"
Lutar por nada... Que louco isso!!! Lutar por nada deve ser lutar por muita coisa e não focar em nada. Ir atrás de sonhos e não objetivar em um único.Isso tô fazendo arduamente na minha vida ultimamente... E nem é intencionalmente, é falta de opção mesmo!
As minhas escolhas não estão sendo feitas por mim, estão apenas caindo de pára quedas no meu colo!E não me venham com aquele blá blá blá que as nossas escolhas somos nós que fazemos, que podemos ter a vida que queremos porque nós que vivemos no mundo real sabemos que isso não é verdade!
E muito menos venham me falar que a gente lutando consegue tudo que almeja! O mundo é cruel meus amigos, muito cruel! Os sobreviventes são árduos lutadores... Lutadores de causas inúteis?! Pode ser... Ou não! Daí entra em questão o que são lutas...
Eu, por exemplo, quero muita coisa... Mas não sei por onde começo! Começarei um dia, quem sabe hoje, quem sabe já comecei sem ao menos saber! Não gosto de marcar data para iniciar as coisas mas algumas têm data marcada e eu nem sequer sei disso...
Começo muitas coisas pelo fim... E não chego ao início! Nem lutando arduamente para isso!!! E sabe do que mais? Eu gosto disso! Eu gosto de não saber o que vem pela frente, eu gosto do inesperado, eu adoro as surpresas... Elas sendo boas ou não!
Detesto as coisas muito planejadinhas, muito tim tim por tim tim! O que vem inesperadamente me excita, me deixa feliz, me deixa em êxtase!
Impaciência, essa sim me domina! Talvez por isso eu não goste de fazer tantos planos!Caso algo não dê certo ou demore a acontecer, me irrito, fico puta da vida, me arraso, tenho vontade de matar um!!!
Meus sonhos não são planos, meus planos não existem, minha fé me move, meu Deus me guia!!! É isso... Vamo que vamo! Pra frente é que se anda, para trás não dá mais. O futuro a Deus pertence, meus passos me levarão ao lugar que vou estar realizando sonhos, vivendo o inesperado!!!

segunda-feira, 24 de maio de 2010

"SEJA UM IDIOTA- A idiotice é vital para a felicidade." Arnaldo Jabor.


Partindo do pressuposto que a frase é do Jabor mas quem me ensinou a ser idiota foi o Danilo, vou falar nele aqui, mais uma vez! Foda-se, o blog é meu, falo de quem e do que eu quiser! #DaniloGentiliFellings hahaha
Bem, semana passada criamos uma tag #AprendiComDaniloGentili; muitas pessoas escreveram muitas coisas e a maioria era pensamento, trechos de texto, as opiniões do Danilo. Agorinha, antes de começar a escrever esse post, eu estava pensando o que de verdade eu aprendi com o Dan...
Aprendi que uma pessoa pode ser feliz vivendo com simplicidade, sem ostentar riqueza e luxo.
Aprendi que fama não é sinônimo de pedantismo, muito menos de falta de humildade.
Aprendi que dinheiro é importante mas uma boa e verdadeira gargalhada com um amigo verdadeiro é muito mais.
Aprendi que a beleza exterior importa mas que o que se tem dentro do coração é o que define o que a pessoa é.
Aprendi que o carinha que tá na televisão toda semana e todo final de semana numa cidade diferente apresentando seu show também tem momentos de dúvidas, é humano, não gosta de ser taxado de artista, muito menos receber um tratamento diferenciado porque tá na mídia.
Mas aprendi principalmente que a maior de todas as virtudes é a gratidão! E o Danilo é grato! Ao público pela presença nos shows dele, aos amigos pela cumplicidade, a família pelo apóio e a Deus, pelo dom da vida!
Então aprendi com o Dan a ser grata! A Deus, a minha família, aos meus amigos e a ele! Por tudo, por todos os momentos de felicidade que ele me proporciona, sempre...
EU AMO DANILO GENTILI! #FATÃO

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Tudo farinha do mesmo saco!


Precisei voltar aqui para aproveitar meu dia de ira e falar dessa merda de vídeo que acabei de ver do senhor presidenciável José Serra! Que idiota meu Deus!!! O Danilo faz uma pergunta, de cunho jornalístico e com dose de humor, que é o papel dele, e o dignissimo José Serra não responde. Acha que um simples "Cê tá brincando!" resolve tudo, e pula pra próxima pergunta, que se trata do bolsa família. E mais um vez é ríspido na resposta. Não deixa nem o repórter fazer a pergunta completa!
Que merda de país a gente vive! Que merda!!!
Por isso sigo c/minha convicção: nenhum desses merdas merecem meu voto! É como diz o Danilo: "Vote no nulo, nulo, nulo para presidente, saí 1 e entra outro pau no cu da gente!"
O que+me dá nojo são os comentários no vídeo!!! Ah g-zuz... Ainda defendem! Quero ver daqui uns 2 anos, todo mundo lamentando que o presidente não cumpriu o que prometeu, que não levou adiante os projetos que disse que ia desenvolver. As leis que iriam beneficiar a população prometidas em campanha eleitoral nem sequer chegam a ir para votação.
Enfiem o voto no rabo bando de imbecis!!! Nenhum vai fazer nada por nós! NENHUM!!! Regra sem excesão...
E não me digam que tenho que me contentar com porra de programa assistencialista do governo! Responsabilidade deles! Eu pago pra ter direito a saúde, educação, segurança, tudo isso! Nada é de graça... NADA! E tudo custa caro... Muito caro!!
Sinceramente a vontade dizer na cara de um homem desses "Você pensa que somos idiotas" é enorme. E o pior é que ele não pensa, ele sabe! Por isso faz o que faz... A grande parcela da população é mesmo burra, troca voto por qualquer coisa. Ainda tem os inocentes que dizem "Voto no Serra porque ele disse que vai construir casas populares aqui perto da favela, que vai nos tirar daqui, dessa vida miserável!" É verdade, ele disse mesmo! No dia que ele cumprir você vai lá no purgatório e me chama, quero ver essa merda de perto!!!
E assim é o Brasil, bando de gente inocente, burra, sem consicência política, sem saber votar. Se bem que é extremamente difícil saber votar num país que não tem político honesto né?! Aliás, político e honesto são 2 características que não cabem na mesma pessoal!!!
Hipocrisia de cu é rola!!!

Senhora indecisão!

Fui dormir com uma angústia e acordei pior ainda! Tô tão confusa, tão indecisa aos rumos que devo dá a minha vida... Que merda! Por que não acordar um dia com a vida que pedi a Deus?!
E que vida quero? Só Ele sabe... Juro que se pudesse escolher uma qualidade escolheria saber o que quero para mim, para o meu futuro! Até tenho umas idéias mas colocá-las em prática tá complicado...
Hoje a noite vou ver uma palestra com Marcelo Tas, acho que ele me ajudará a decidir meu futuro profissional! Ouvir um ícone como ele palestrando vai ser uma experiência fora do comum. Imperdível!
Bem, perdi as palavras... A inspiração fugiu de mim hoje! Se ela voltar+tarde escrevo+!!!
P.S: que post chato do caralho... Pense!
Ah acabei de pensar em algumas coisas, vejamos o que sai:
Senhora indecisão, quando resolveres ir embora por favor nem deixe recado! Não preciso de você na minha vida. Tenho certeza que viverei bem sem ti!
Prezada consciência, por que pesar tanto? Por que me dar dores de cabeça? Por que não me deixar dormir em paz? É tão grave assim?! Fala pro meu coração então, pra vê se ele te escuta...
Meus amados familiares, não, isso não é uma carta de despidida, é mais um pedido de desculpas, uma declaração de amor. Eu os amo, a todos, mas quero ficar sozinha um tempo... Respeitem e me entendam, como sempre fizeram! E se não entendem, ao menos finjam entender!
Queridos amigos, que maravilha tê-los! Que presente dos céus viver rodeada de tanta gente linda, inteligente, de coração sem tamanho. Todos vocês são os motivos dos meus sorrisos diários, das minhas gargalhadas sem fim, da minha felicidade.
Meu Deus, ao Senhor nem sei o que falar, e nem preciso. Me conheces intimamente, sabes o que se passa no meu coração e na minha mente! Só O peço uma coisa: luz! Uma luz, nem que seja aquela fraquinha, lá no final do túnel! Só preciso disso... E obrigada!!! Por tudo, por todos... AMÉM!

terça-feira, 11 de maio de 2010

Esperando...


Ah como você meche comigo... Nossa, não lembro de ter me sentido assim por ninguém, não dessa forma, não com essa intensidade! Por que você me olha? Por que me faz pensar que não sinto essa atração sozinha? Se tem algo para me falar, fala logo por favor... Tô angustiada demais para esperar sua boa vontade de dizer que é recíproco. Não, eu não quero você por uma simples noite, não quero você uma só vez, se for para ser assim, prefiro nem te ter!
Tá, é mentira... Eu te quero nem que seja por 1 minuto, nem que seja a última coisa que eu faça antes de me desiludir, antes de enxergar que, na realidade, você não passa de um sonho que jamais virá a ser real...
Ou quem sabe eu te queira pro resto da vida! Quem sabe sejamos almas gêmeas, feitos um para o outro! Talvez não... Acho que somos apenas nós, você e eu! Se formos só nós, já me dou por satisfeita, completamente satisfeita!
Promete que não me deixa com cara de tonta assim, na frente de todo mundo? Não gosto que me vejam abobalhada!!! Para os outros eu tenho que ser sempre forte, dura na queda, incapaz de me sensibilizar. Mas pra você não, pra você eu sou eu mesma, com todas as minhas fragilidades, com todos os meus defeitos, sem sorrir forçado, sem fingir que a vida é um mar de rosas. Com você eu posso ser eu! Para você eu confesso que quero sim um amor para durar até a eternidade, que quero constituir família, que quero ser a sua mulher.
Tenho certeza que posso te fazer feliz... Mesmo que não seja da minha responsabilidade, eu abraço essa causa, visto a camisa dessa campanha e prometo sucesso absoluto na empreitada!
Vi no twitter de uma pessoa chamada @Maizinha7 o seguinte tweet:"Pode até não ser da minha responsabilidade te fazer feliz. Mas que é uma idéia boa, é!" Perfeito!!! Tradução exata do que sinto!!! Foooda, muito foda... E só para você não esquecer, eu estarei sempre aqui! É só você falar, respirar um pouco mais forte ou então só andar na minha direção, mesmo você estando a km de distância, eu vou te sentir e estar pronta para ir para qualquer lugar; com você não sinto medo! De nada...

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Todos os sentimentos do mundo!

Tenho dentro de mim todos os sentimentos do mundo! E quando eu te vejo, todos eles se fundem, é um misto de amor, paixão, desejo... Meu sistema nervoso não se controla quando você chega perto! Eu fico falando para mim mesma, repetindo na minha mente:"Pára, calma, não dá bandeira!" mas não adianta, meu coração é teimoso e tem vida própria!
Você vem com essa cara de santo, com esse olhar puritano e meche com meu lado menos inocente! Que puta dom... Não minto para mim mesma dizendo que não te quero mas omito de todos o que realmente sinto por ti! Não sei se estou agindo corretamente, se estou errando, se estou sendo inocente, se estou criando expectativas, não sei quase nada, a única coisa que eu sei é que você é um delicioso desejo, um sonho maravilhoso e tem o par de braços mais lindos que já vi na vida!
Sigo em frente, sonhando com você, e esperando o dia que riremos juntos lendo o que escrevo aqui... Eu sei que te mostrarei todas as palavras que escrevo inspirada em você, nem que seja sob efeito de muito alcóol, rindo e você me falando: "Nossa amor, porque você não me mostrou isso antes?!"

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Dúvidas? Nenhuma... Não mais!


Uma última dúvida foi respondida na minha mente: eu realmente gosto de você! Eu a respondi acordando no meio de uma noite chuvosa e tendo você como 1ª coisa a surgir no meu pensamento. Exato, era com você que eu gostaria de estar, por debaixo das cobertas, dormindo abraçado ao teu peito robusto, envolta pelos teus braços fortes. Era o sussuro da tua voz que eu queria ter ouvido após o estrondo daquele trovão; bastava um simples "Calma, não se assusta, tô aqui!" para que todos os problemas da minha vida fossem resolvidos. Essa tua postura de macho, esse teu cheiro envolvente entrando em contradição com tua voz mansa e teu sorriso terno talvez tenham sido os principais motivos do meu encantamento por você. Além do mistério que se esconde no teu olhar. A dúvida que você me deixa quando, do nada, liga pra mim, não fala coisa com coisa mas me faz sentir a mais feliz de todas as mulheres. Eu me imagino fazendo todas as coisas da vida ao teu lado, desde as mais sérias até as mais toscas, desde decidir onde vamos morar, que carro vamos comprar até se a gravata vermelha ou a azul fica melhor em você e com que pijama você dorme melhor.
Tá vendo, é tão verdade, é muito verdade, tô tremendo, tô nervosa, aiiin que porra de dom você tem pra me desconcertar! Deu vontade de te abraçar agora, te pôr no colo, de te levar pra casa... Caralho, tão perto mas tão longe ao mesmo tempo! Ah, ficas lindamente encantador com essa roupa... Ai, ai, ai, quantos suspiros me desperta!!! Será que, devido a intensidade com que penso em ti, você desconfia de algo? Preciso tocar tua pele, já! Necessito encostar nos teus braços que seja. Se me deres uma luz, uma pista qualquer, acredito que será suficiente para eu te pedir em casamento! Que foda, que louco, que bom, que desejo incontrolável de querer passar o resto da vida contigo...
Psiu, ouço vozes, escuto passos, e sei que é você, eu decorei a intensidade da tua passada e tenho entranhado na minha mente o cheiro natural da tua pele, eu sei o cheiro que teu corpo exala, tá tudo aqui, na minha cabeça, no conjunto de explosões que você desperta em mim quando estás perto!
É docemente encantador te olhar nos olhos, ir viajando pelo teu corpo, descendo devagar e já saber a próxima parte, é sensacional conhecer tão bem você só de tanto te olhar, de tanto observar suas atitudes, de tanto te querer pra mim. Obrigada pois, ainda que não saibas- ou talvez sim!- me fazes muito bem...

quarta-feira, 14 de abril de 2010

"Não sei, só sei que foi assim" Danilo em minha vida...


Quando comecei a ver o CQC nem ligava muito para o Danilo, achava até o cara meio sem graça, meio bobão demais! Gostava das matérias do Andreoli, por amo esportes e para mim ele era o melhor, já que fazia aquilo de uma forma engraçada, além de tudo. Meu primo Hemanuel me deu o toque sobre o Marco Luque, que ele já era humorista a um certo tempo, para eu ver os vídeos dele no you tube. Fui lá, vi tudo, e adorei!
Certo dia, meu primo Hemanuel novamente veio em casa e me disse para eu preencher meu tempo vago(eu estava desempregada) vendo outros vídeos na internet, em especial os de stand up comedy e dar ênfase aos vídeos do repórter do CQC que fazia o "Repórter inexperiente". De início pensei:"nossa deve ser uma merda!" Mas tudo bem, vamos lá! Comecei a pesquisar os vídeos do Gentili, um a um, e assisti, a todos, inúmeras vezes! Caralho, o que era aquela cara?! Como saca das coisas, como é inteligente, puts, Danilo é um gênio... Comecei então a pesquisar a vida do rapaz, onde mora, o que mais faz da vida, como começou a carreira de humorista, etc, etc, etc.
Poucos meses depois descobri que o Danilo viria fazer um show aqui em Fortaleza. Nossa, vi aí a oportunidade de conhecer pessoalmente esse cara de quem eu já era tão admiradora.
Na internet encontrei minha companheira ideal: Raquel Cavalcante! Sim, foi o Dan quem nos "apresentou" e graças a ele eu a tenho até hoje para me acompanhar em tudo, para todo lugar!
Compramos ingresso para o show do Danilo no mesmo dia, fomos as primeiras, pegamos os melhores lugares, de frente para ele! Decidimos também que iriamos ao aeroporto para recebê-lo, e ver logo como era o cara né? Rsrsrs... O lance da primeira impressão!
Graças ao vício do Danilo pelo twitter, descobrimos que ele estava embarcando umas 10da manhã lá em São Paulo. Corremos para o aeroporto, esperar longas 5 horas, o vôo dele atrasou! Estava tudo indo maravilhosamente bem quando Raquel e eu avistamos o tal Amadeu Maya, humorista cearense, vestido de Marcelo Tas, esperando o Gentili para entrevistá-lo. Meu Deus, vergonha alheia total!!! Enfim, não havia o que fazer.
Danilo chegou, acompanhado do tal famoso(má fama viu senhor Gusso?! rsrs) Italo, foi entrevistado pelo Amadeu e uma pequena multidão formou-se. Esperamos pacientemente nossos 5 minutos de atenção, e eles vieram. Claro que o Italo fez questão de atrapalhar né? É o papel dele... rsrs Tirar as chatas de plantão de perto! Mesmo assim, o Dan nos atendeu, recebeu nossos presentes, e, viciado como só ele e eu somos, me reconheceu do twitter! Não era pra menos né? O tanto que falo dele naquele lugar... rsrs
Logo menos a noite, tivemos o privilégio de ver no palco um cara tão bom no que fazia que eu jamais imaginava que existia! Tão leve, tão simples, tão normal que não dava para acreditar que fosse de verdade. Terminado o show, tumulto total para tirar foto, muita gente! O Italo tentava ao máximo organizar mas as pessoas não ajudavam!!! Êta povinho mal educado esse daqui viu?! Senhor...
Enfim, era chegada nossa vez. Ficamos por último, óbvio! Fiquei conversando com o Italo porque eu juro que mesmo que falassem mal dele eu gostava daquele cara de marrento! Conversamos um pouco; em seguida fui ao encontro do Dan, para tirarmos nossa foto. Conversei com ele, tiramos a foto, ele colou o rosto em mim, se inclinou totalmente(ele com 1,92 e eu com 1,62 não é pra menos né?!rsrs)e saímos, felizes e saltitantes!!!
Dalí começou um carinho tão especial por aqueles 2! Em dezembro Raquel e eu fomos para Teresina só pra revê-los. Nessa viagem descobrimos quem é o Italo de verdade... Esse safadênho engana a todos com sua pose de mal!!! É um gentleman... Pudemos conversar um pouco mais com o Danilo e atestar tudo o que achávamos dele. Que cara sensacional véio! Que puta cara mesmo...
Só que foi só agora em abril, na semana santa, que a gente realmente pôde saber quem é Junior, sem acento no U! Ficamos 5 dias em SP, o vimos 4 dias seguidos, nos mais diversos lugares, nas mais diversas situações e pasmem, ele é o mesmo, sempre! Não trata ninguém com indiferença, não deixa de dá atenção seja para quem for, não nega uma foto, não sabe ser grosso, não sabe sorrir falso! É simples, é bonito, é único!!!
Escrevi essas palavras hoje porque acordei com uma vontade tão grande de resumir para mim mesma como o Dan se transformou nesse amigo tão querido que hoje eu tenho ao meu lado e assim o fiz! Não sei se ele vai ler, vou pedir! E espero que sim... Não para ter a ilustre visita do Danilo Gentili no meu blog mas sim para meu amigo Junior saber que, para mim, ele pode fazer o que for, estar onde estiver, que nada do que sinto por ele vai mudar, nunca. O amor que ele despertou em mim é o mesmo amor que sinto pelos meus parentes, é eterno, é de sangue, é único!!! Obrigada por existir Gentili, Danilo, Dan, Junior, apenas Danilo!!! Eu amo você!

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Tudo de novo...

Eu pensei que tudo tinha passado... Uns dias sem te ver e na minha mente o que eu achava que sentia por você tinha desaparecido! Ah, doce ilusão... Foi só rever você pro meu coração acelerar de novo, minhas mãos suarem frio e eu querer você pra mim! Não sei se estou vendo coisa onde não tem ou se você de vez em quando me dá esperanças! Tá, eu sei, você é um sonho!!! Mas por que não pode deixar de ser? Dentro de mim já sinto o suficiente para te ter ao meu lado para sempre. E isso me basta; não vou lutar contra nada nem contra ninguém! Meus olhos falam por mim, minha voz abranda quando dirijo a palavra a você. E não é possível que isso não seja notado por ti! Claro que é.. Óbvio que sim... Você sabe, você lê meus pensamentos! Vem me perguntar se te chamei quando fiz isso só para eu mesma ouvir... Só lendo pensamentos para saber o que eu estava querendo naquele momento. Conheço detalhes dos teus sonhos, expectativas que tens quanto a vida e sim, acredite, eu me pego pensando, de vez em quando, nos planos que fazes pra ti. Fico me inserindo no teu futuro, me encaixando na tua vida. Oh céus, o que a paixão é capaz de fazer com as pessoas... Bem, agora deixe-me ir, meus sonhos estão cansando de ficar apenas dentro da minha mente! Tá quase na hora de acordar para vida...

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Sampa!!!


Pensei que, chegando de São Paulo, eu iria vir aqui correndo contar tudo que houve naquela cidade louca! Mas é tão complicado transformar em palavras todas as emoções vividas naquela cidade que só agora resolvi tentar! Ficamos 5 dias, nos hospedamos em 3 casas, vimos show de cerca de 11 humoristas, consolidamos amizades antes "reais" apenas na internet! Claro que todas as pessoas foram especiais porém umas em destaque! A Ludy é uma fofa!!! Amei vê-la! A Lú então, meu Deus que amiga sensacional!!! Foi nossa guia, nossa fiel companheira! A Marcela foi um "brinde carioca" no pacotão Sampa. Rsrsrs... A Alice é a pessoa mais louca que conheço! Foi de Curitiba pra Sampa passar praticamente 24 horas. Mas valeu, valeu muuuito! A Camy é tudo e mais um pouco do que eu pensava que ela seria! Maravilhosamente bem humorada, encantadoramente cativante e muito, muito linda. Ver o Oscar Filho e o Rafa Cortez também foi muito legal, eles são lindos, fofos e muito simpáticos! Agora tem uns destaques que a gente precisa dar né? Tipo, Italo... Gente, o que esse rapaz fez por nós nessa viagem nem caberia aqui falar e nem eu teria palavras suficientes para agradecer! Ele é um puta cara, uma pessoa linda, a quem adoramos e seremos gratas o resto de nossas vidas! Ah e o Danilo, meu Deus!!! Ele é de verdade mesmo?! Como pode uma pessoa ser tão linda, tão simples, tão maravilhosa como ele?! Nossos laços se estreitaram nessa viagem e hoje digo: ele é muito mais que um ídolo! É um amigo lindo, louco, engraçado sem fazer força, talentoso por natureza, com um coração belo e grande, enorme! Sabe aquelas pessoas que não forçam nada, que deixam as coisas fluirem, sem forçar, sem ser superficial. Então, é ele!!! Muito obrigada seu branquelo lindo, por tudo, tudo mesmo! Muito em breve quero revê-lo para ter a certeza de que você é realmente de verdade, que é sim capaz uma pessoa ter fama, sucesso e continuar simples, sem pedantismo, apenas Danilo... Amo você branquelo lindo!!! E é lógico que não posso deixar de falar da minha companheira Raquel né?! Que topou essa loucura e que tenho certeza que topará muitas outras... Amo você Quelrida! Ah, essa foto é a tentativa de um pequeno resumo do que foi SP pra gente! Uma cidade estupidamente grande e maravilhosamente encantadora...

terça-feira, 30 de março de 2010

E na mala 1.000.000 de expectativas...

Tá certo, eu tentei+ñ dá pra fazer uma viagem pra SP sem estar com o coração acelerado!A Raquel e eu estamos nessa de ir pra lá desde o final do ano passado, realizar nosso sonho de conhecer a cidade do stand up, onde nossos tão queridos e admirados humoristas moram!
Vamos pra casa da Ludy, uma amiga tão maravilhosa que preciso abraçar pra ter a certeza que é de verdade! Hoje estamos aqui, em Fortaleza, porém as 7 da manhã estaremos na cidade que não pára... E nós também não pararemos lá!
São muitos programas na agenda, muitas pessoas pra conhecer, muitas saudades para matar! A única coisa ruim é que a Cecília não vai... =(
Não vou mentir, faz dias que não durmo direito e quando durmo, sonho com SP! rsrs
Louco né? Nossa... Nem sei o que nos espera lá, só sei que estamos indo com nossos sonhos mais intensos na pauta pra serem realizados!!!
Só rever Danilo e Ítalo já será uma grande satisfação! Que saudade esses meninos deixam na gente... Nossa senhora!!!
Então é isso... Eu queria só registrar esse momento de pré-SP! Amanhã estaremos lá e na medida do possível conto tudo no twitter! Na volta, um post no blog pra contar tudo, ao menos o que as palavras me permitirem dizer...

segunda-feira, 22 de março de 2010

Jogo do amor.


E, de repente, a menina que dizia que não queria casar, ter filhos, que acreditava que os homens eram todos iguais muda completamente seus pensamentos e ideais. Não, aquele jovem não tem dona, ele é quase livre, tá leve e solto. Gosta de atenção, de papo furado, de papo nem tão furado assim. É lindo, encantador, tem a voz suave, e sim, pasmem, é o homem ideal!
Também me é estranho enxergar essa imensidão de qualidades em um homem só. Eu mesma ainda não consegui absorver esse sentimento e essas convicções novas que se instalaram na minha mente de uns tempos para cá.
Eu sei que "meu" homem é perfeito... Até seus defeitos lhe caem bem! Gosto dos seus olhos, ainda mais do seu olhar. Gosto do seu sorriso, ainda mais da forma tímida e encantadora com que sorri e esconde o olhar. Não, eu não estou apaixonada, estou completamente envolvida, abobalhada, e isso não é só paixão, é algo maior, que não tem denominação.
Sei que posso tê-lo comigo, só não sei se tenho coragem de arriscar todas as coisas que estão em jogo. Minha coragem de adolescente já não existe em mim, ela deu lugar ao medo...
Das inúmeras possibilidades que existem a única que domina minha mente e meu coração é uma casinha de palha, um fogão a lenha, um frio gostoso, um chocolate quente e um amor, para vida toda...
As cartas estão dadas! E no baralho da vida os coringas não são marcados, precisam ser descobertos. E se escondem bem, as vezes nas mãos de outro jogador. Se eu precisar blefar não sei se consigo; a única coisa que tenho certeza é que essa partida vai ser longa mas que dificilmente me contentarei com a derrota!

quarta-feira, 3 de março de 2010

A casa do vizinho é sempre melhor...


Na casa do vizinho tem carro importado, piscina, empregados, cachorro, gato, papagaio... Uma família aparentemente feliz, uma vida incrivelmente invejada. Pai médico, mãe advogada, 2 filhos na faculdade, seguindo a profissão dos pais. O retrato da vida perfeita!
E a minha casa?! Ah, não temos carro próprio, nem piscina, muito menos empregados; apenas um cachorro pequeno, não gostamos de gato e nosso papagaio fugiu faz tempo. Na cozinha uma geladeira nem sempre cheia, um fogão que as vezes tem pouco gás e um armário com leite e biscoitos. Somos apenas 2 mas rodeadas de quase 10 da família que, ao todo, tem cerca de 70 membros.
O que tem materialmente no vizinho e não tem aqui é extremamente visível; o que temos aqui, e com sobra, talvez não seja muitas vezes visto nem por nós mesmos: o amor! A vida corrida não muito espaço para troca de carinho e demonstrações de afeto. Mas o que tá dentro do coração é óbvio, é real, é eterno...
Um dia, indo pegar o ônibus, ganhei uma carona do filho da vizinha; ele é bonito, doce e educado mas tem uma tristeza no olhar de dá dó... Sorriu gostoso quando falei que estava levando marmita de casa para não gastar com almoço para poder, assim, ter dinheiro para ir ao cinema no final de semana. Ele perguntou com quem eu ia, falei que com um grupo de 10 amigas,as melhores e mais divertidas pessoas que já vi na vida. Ele baixou o olhar, calou-se e, um tempo depois, deu um sorriso tímido. Falou que tem dinheiro para ir ao cinema todos os dias mas que não tem vontade de ir sozinho... Tem receio de quase todos que se aproximam dele pois a maioria tem interesse de conviver com o que ele tem não com o que ele é.
Senti-me tão feliz com minha vida que esqueci todas as dificuldades financeiras que passo. Ao contrário do vizinho, ninguém se aproxima de mim por interesse, se é meu amigo é porque gosta de mim.
Chamei-o para ir ao cinema conosco, ele disse "sim" tão rápido que até o próprio se assustou! Antes de chegarmos ao meu destino, falei para o vizinho que ele tinha tudo que quisesse: dinheiro, carro, mulheres... Mas que ele não pensasse que isso é tudo, porque não é! E que ele nunca perdesse aquela timidez no olhar, pois ela é encantadora!!!Ele sorriu, linda e sinceramente.
Agradeci a carona, pois graças a ela não levei os pisões nos meus pés dentro daquele ônibus lotado! E ele? Ah, ele agradeceu a conversa, as risadas gostosas e os conselhos valorosos.
Agradeceu também o convite para o cinema, que por sinal foi hoje. O filme é esplendoroso, a saída foi estupenda e o beijo dele é ardente, profundo e docemente envolvente...
Hoje, pela 1ª vez, o vi sem aquela tristeza no olhar. Talvez porque, pela 1ª vez, ele tenha vivido emoções reais, sentido de fato que nem tudo na vida são flores mas que os espinhos trazem consigo lições que nenhuma flor pode ensinar.
E o principal de tudo: percebeu que o dinheiro compra a entrada no cinema mas não a risada verdadeira da companheira que tá na poltrona do lado, se contorcendo toda porque não consegue guardar dentro de si tanta felicidade!

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Arrepio na pele...


+que bom se ver que ainda se está viva, feliz e com o poder de se atrair por alguém... Um tempo sem se envolver verdadeiramente com alguém deixa vulnerabilidade solta por todos os lados!
Faz atração se transformar numa coisa louca, uma ebulição de hormônios agindo a todo vapor dentro do organismo!!!
Mesmo sendo algo tolo, pequeno e insignificante, a faísca foi acesa+o medo de transformar numa fogueira é enorme...
Arriscar estragar algo concreto que já existe por um possível envolvimento que nem se sabe se pode ser real dá medo... Aiiin mas por que tem que ser tão complicado? Por que um belo par de braços, um lindo sorriso, uma fala mansa e um coração povoado sempre mechem comigo?!
Ah não sei!!! É bom?! Sim, é excelente... Perigoso, por isso interessante! Não estou me precipitando, não estou apaixonada, não estou morrendo de amores, apenas me senti viva, de novo, depois de tanto tempo!
O envolver de sorrisos, olhares, pequenos toques "sem querer" que arrepiam a pele são sempre gostosos de serem sentido!
A sorte está lançada... E o tempo?! Ah o tempo é o senhor da razão... E como diz Chorão, do CBJR:"Eu não senhor do tempo mas eu sei que vai chover, eu me sinto muito bem quando fico com voce...!!!"

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Sampa!!!


Fico morrendo de vontade de ir pra Sampa e já levar meus currículos... Sério mesmo! Se tudo o que eu tenho em mente pudesse se transformar em realidade ainda esse ano eu seria a mulher mais feliz desse mundo!Ir pra lá, arrumar um emprego razoável, morar num cantinho bacana, simples, fazer minha faculdade e em seguida da arrumar um emprego na área. Pronto... Isso me deixaria extremamente feliz! Nesse momento o que queria era me afastar de tudo e de todos; começar uma vida nova e longe. Não que eu tenha deixado de achar que a família é importante, não mesmo! Continuo com a mesma convicção. Porém nesse momento da minha vida eu sinto necessidade de me afastar, de ficar longe, de não ter ninguém para me cobrar nada, de viver uma vida apenas minha, sozinha. Sim, parece estranho, e é! Juro que nem eu mesma entendo... Sozinha, essa palavra soa para muitas pessoas como algo negativo, não para mim. Ao menos nesse momento... Sozinha no sentido de ficar sem família querendo resolver sua vida por você, com parentes toda hora achando que, porque tem experiência de vida, sabe o que vai fazer você mais feliz.Não, eu não to dizendo que temos que deixar de levar em consideração o que falam os mais velhos, em especial os parentes, só tô falando que a gente vive a vida da gente, nenhuma outra mais. Ouço as pessoas me dizerem: ”Ah, mas você tem que fazer um concurso para ser professora!” Certo, mas e a pergunta principal não me fazem: “Você quer fazer um concurso para ser professora?!” Não, eu não quero! Daí vem outros e falam: “Então, você tem que fazer faculdade de contabilidade, é a sua cara!” De novo questiono, “e a indagação principal:” Você quer fazer contabilidade?!”Não, obrigada, eu não quero!!! O que eu quero é estudar outra coisa, morar numa grande cidade que me dê oportunidades de crescimento, de ser uma profissional feliz, realizada, não uma profissional frustrada! Por que é tão complicado pras pessoas entenderem a gente? E se não entendem, por que apenas não respeitam? É tão complicado assim? Não acho que seja... Só tenho certeza de uma coisa: eu vou ser feliz, e não vai ser aqui! E não vou demorar para ir atrás dessa felicidade...Cansei de esperar por ela aqui nesse fim de mundo!!! Ela não veio, é porque não está por aqui... Está lá... Juro que não tenho medo! Nem um pouco... Acho que minha vontade de viver uma vida nova é tão grande que não dá espaço para o medo! Sei que preciso ter mais paciência, que as coisas não acontecem no nosso tempo mas sim no tempo de Deus. Porém acho que posso dá uma acelerada nas coisas... E vou fazer isso! Ah se vou... Se Deus quiser, daqui para o final do ano, minha vida vai mudar! Para melhor, claro... Em breve estarei aqui, nesse blog, chegando do trabalho, cansada, porém feliz e escrevendo::” A vida em São Paulo é louca e maravilhosa! Eu amo muito tudo o que vivo aqui, a correria do dia a dia me encanta, o trânsito quer me matar todos os dias de raiva mas não vai conseguir não! E olha que o trânsito é fodástico...... Canso, perco a paciência as vezes, durmo feito uma pedra e quando acordo parece que cochilei apenas... Mas estou estupidamente FELIZ!” Ah Senhor que eu esteja falando pela boca de um anjo, AMÉM!